quinta-feira, 7 de outubro de 2021

DESISTO , santidade não é pra mim !!!!!!

 


FONTE: GOOGLE


"Todavia, graças a Deus, porquanto, embora havendo sido escravos do pecado, obedecestes de coração à forma do ensino a que fostes submetidos. Vós fostes libertos do pecado e vos tornaram escravos da justiça. Expresso-me, assim, nos termos do homem comum, por causa da fraqueza da vossa carne. Pois, assim, como apresentastes os membros do vosso corpo como escravos da impureza e da maldade que conduz a iniqüidades ainda maiores; apresentai, a partir de agora, todos os membros do vosso corpo como escravos da justiça para a santificação." ( Romanos 6:17-19)


Há 5 dias atrás ( no facebook) eu fiz um vídeo( em inglês) falando que o amor e  a graça de Deus serem pilares nos quais você constrói uma vida espiritual que não desmorona lá na frente. 

Um dos grandes erros cometidos por pastores, pregadores, preletores, missionários, evangelistas e obreiros ao pregar sobre esse tópico, é levar a audiência a acreditar que a santificação leva a justiça, ao invés da justiça levar a santificação. 


A bíblia de estudo Blue Letter , dentre 4 instâncias, descreve 2 em relação a justiça ( do grego dikaiosune) como: 


Tudo que é correto ou justo em si mesmo, que se conforma com a vontade revelada de Deus( Mateus 5:6,10,20, João 16:8,10).

Tudo que foi determinado por Deus para ser reconhecido e obedecido pelo homem. ( Mateus 3:15,21:32)


Justiça( outra palavra que pode ser aplicada é retidão nesse contexto) vai além da superfície. Justiça ou retidão foca nos ensinamentos do mestre Jesus, permitindo-os permear e habitar nas nossas tomadas de decisões, no nosso pensar, sentir e como nos relacionamos com os outros. 

É o tal do obedecer do coração( Romanos 6:17)


Capture o coração que a pessoa é capturada por inteiro. É honrar a Deus por amor, não por regra, não por dever, obrigação, medo. 


"No amor não há medo; pelo contrário o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo. Aquele que tem medo não está aperfeiçoado no amor".

1 João 4:18

Existem coisas que não fazemos porque é absolutamente errado ou ilegal? Com certeza! Mas quando você ama alguém ou algo, você propositalmente faz de tudo para não se colocar numa posição de colocar aquilo a perder

Quando a motivação pra ser santo é gerada por um sentimento de dever ou medo, nós nos cansamos de fazer o bem. A amargura vem e nos engana a achar que precisamos de aplauso ou sermos reconhecidos pelos esforços que temos feito no poder da carne. 


Isso é o que acontece quando você prioriza a santidade às custas da retidão : 

Você coloca o foco em você.
 Você coloca a pressão em cima de você. 
Você acha que dar conta. 
 Quando não dá, você diz pra si mesmo que você precisa se esforçar mais. 
Fazer mais coisa de crente e menos coisa de não crente. 
Você fica amargurado por causa das coisas erradas ou ruins que teve que abandonar. 
Você foca nas coisas que deixou para trás. 
Você perde a perspectiva do deixou para trás não é nada se comparado ao que ganhou em Cristo Jesus. 


Foque na retidão: amando a Deus de todo teu coração, de toda a tua força e de todo teu entendimento. Daí você vai terá condição de amar a si mesmo e assim ao seu próximo.

Foca na retidão que a santidade vem de brinde.
Deus abençoe!

3 comentários:

  1. Concordo! Que sejamos retos em tudo que fizermos em nossas vidas.

    Boa semana!


    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  2. Olá Gisley
    Ótima postagem, vamos focar na retidão, bjs querida.

    ResponderExcluir
  3. Honrar a Deus por amor e não por regra, perfeito isso! É o que nos fazem os legalistas, que põem um fardo tão pesado nos ombros dos outros que nem eles mesmo conseguem carregar.
    Destaque para esse trecho:
    "Existem coisas que não fazemos porque é absolutamente errado ou ilegal? Com certeza! Mas quando você ama alguém ou algo, você propositalmente faz de tudo para não se colocar numa posição de colocar aquilo a perder." que nos remete às palavras de Paulo: Fiz-me fraco para com os fracos, fiz-me tudo para com todos...Ou seja, Paulo jamais agia com arrogância, falava na linguagem de cada um, procurava entender o outro.
    Isso é ter empatia, é ser consciente e não mero seguidor de regras.
    Amei muito esse texto. Compartilhei na minha página! Deus abençoe!


    ResponderExcluir

Exporte pensamentos e idéias vc tb!
Aqui, elas chegam rápido e vc não paga nada :)!
Divirta-se e volte sempre :)!

Por favor, deixe e-mail e nome de contato caso não tenha blog ou conta do google.

AVISO: Caso não goste ou não se indentifique com o material aqui exposto, vc tem todo o direito de ir ao topo da página do lado direito e apertar o X.

Não espere que nenhum(a) blogueiro(a) mude o formato ou conteúdo do blog para adequar à sua comodidade/pensamento.


A autora se faz no direito de reprovar todo e qualquer conteúdo que não traga nada à acrescentar ao blog.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...